Pular para o conteúdo

Bungee Jump: Lugares para pular e se aventurar!

Avalie

O salto de bungee jump não é apenas uma experiência emocionante, mas também oferece a oportunidade de apreciar paisagens deslumbrantes enquanto você está suspenso no ar. Dependendo do local onde o salto é realizado, você pode ter vistas panorâmicas de montanhas, vales, rios, florestas ou até mesmo cidades. Nesse conteúdo entenda mais sobre o esporte e veja lugares incríveis para praticar!

Muitas plataformas de bungee jump são estrategicamente localizadas em lugares pitorescos, o que adiciona uma dimensão extra à experiência. A combinação de adrenalina e a beleza natural ao redor cria memórias duradouras e uma sensação única de liberdade. É uma forma emocionante de interagir com o ambiente, proporcionando uma perspectiva única enquanto você mergulha de cabeça na aventura.

Além disso, a natureza imprevisível do bungee jump, com a rápida descida seguida pelo movimento de balanço, faz com que a experiência seja ainda mais intensa e inesquecível. Cada salto é uma aventura única, e a mistura de emoção e paisagem faz do bungee jump uma atividade que atrai muitos entusiastas de esportes radicais.

O que é Bungee Jump?

Bungee Jump
Bungee Jump Foto: Pinterest

O Bungee Jump é uma atividade de aventura extrema que envolve saltar de uma grande altura enquanto conectado a uma corda elástica, geralmente presa aos tornozelos ou ao redor da cintura. Essa corda é projetada para esticar e contrair, proporcionando uma experiência de queda livre controlada antes de retornar o participante de volta para cima. O salto é geralmente feito de pontes, penhascos, gruas ou outras estruturas elevadas.

A sensação de queda livre, seguida pela rápida desaceleração quando a corda estica, proporciona uma emoção intensa e adrenalina aos praticantes de Bungee Jump. Esta atividade é popular entre os entusiastas de esportes radicais e aqueles que buscam experiências emocionantes. Ela exige precauções de segurança rigorosas, e é essencial que seja realizada por operadores experientes e em locais seguros para minimizar os riscos.

Veja também: Conheça os melhores lugares para viajar sozinho!

Qual é a origem do Bungee Jump?

A origem do Bungee Jump remonta a cerimônias de salto com lianas realizadas por tribos nativas na região de Pentecostes, em Vanuatu, uma nação insular no Oceano Pacífico. Essas cerimônias eram realizadas por homens jovens como parte de rituais de iniciação.

A prática moderna do Bungee Jump, tal como a conhecemos hoje, foi popularizada por um grupo de neozelandeses que se inspiraram nas tradições de salto com lianas. O primeiro salto comercial de Bungee foi realizado em 1986 na ponte Kawarau, perto de Queenstown, na Ilha Sul da Nova Zelândia. A empresa responsável por essa introdução foi a AJ Hackett Bungy, fundada por AJ Hackett e Henry van Asch.

Desde então, o Bungee Jumping se espalhou para muitas partes do mundo e se tornou uma atividade de aventura popular, atraindo aventureiros e entusiastas de esportes radicais. A segurança é uma preocupação primordial, e as operadoras de Bungee Jumping seguem padrões rigorosos para garantir a integridade dos participantes.

Como pular de Bungee Jump?

Homem pulando de Bungee Jump
Homem pulando de Bungee Jump. Foto: Pinterest

Pular de Bungee Jump envolve uma série de passos específicos e é importante seguir as instruções dos profissionais responsáveis pela operação da atividade para garantir a segurança. Aqui estão os passos gerais que você pode esperar ao realizar um salto de Bungee Jump:

Preparação e Instruções:

Antes do salto, você receberá instruções detalhadas sobre a posição correta, como se posicionar, e outras informações importantes sobre a segurança.

Certifique-se de compreender completamente as instruções e faça perguntas se algo não estiver claro.

Equipamento:

Vista o equipamento de segurança fornecido pela operadora, incluindo o arnês que será usado para prender a corda elástica aos seus tornozelos ou cintura.

Posicionamento na Plataforma:

Dirija-se à plataforma de salto e posicione-se de acordo com as instruções recebidas. Os instrutores geralmente fornecerão orientações específicas sobre como ficar antes do salto.

Fixação da Corda:

A corda elástica será fixada ao seu corpo de acordo com o método utilizado (tornozelos ou cintura). Os instrutores garantirão que tudo esteja devidamente conectado e seguro.

Contagem Regressiva:

Geralmente, os instrutores farão uma contagem regressiva antes do salto para que você esteja preparado.

Salto:

No momento apropriado, dê o salto da plataforma. Desfrute da sensação de queda livre enquanto a corda elástica se estica.

Retorno e Resgate:

Após o salto, a corda elástica irá esticar e, em seguida, começará a puxá-lo de volta para cima. Equipes de resgate estarão prontas para auxiliar no retorno seguro.

Lembre-se sempre de seguir as instruções dos profissionais, pois a segurança é fundamental nesse tipo de atividade. Se você estiver em dúvida sobre algo, não hesite em perguntar aos instrutores antes de realizar o salto.

Lugares no mundo para pular de Bungee Jump

Vamos falar sobre alguns dos lugares mencionados onde você pode praticar bungee jump ao redor do mundo:

Pipeline Bungy – Nova Zelândia:

Localizado em Queenstown, conhecida como a capital mundial da aventura. O Pipeline Bungy é famoso por oferecer saltos de uma tubulação de água suspensa sobre o rio Kawarau. É uma experiência emocionante, pois você salta em direção às águas cristalinas abaixo.

Ponto Navajo – Estados Unidos:

Localizado na Reserva Navajo, perto da fronteira entre o Arizona e Utah. A Ponte de Navajo é uma ponte de arco impressionante sobre o Rio Colorado, proporcionando uma plataforma espetacular para o bungee jump.

Ponte Colossus – Itália:

Localizada próximo a de Turim e Milão! A Ponte Colossus é uma estrutura histórica que oferece a oportunidade de saltar de bungee em um ambiente encantador e pitoresco. Tem 350 metros de comprimento e mais de 150 de altura!

Canal de Corinto – Grécia:

O Canal de Corinto oferece uma oportunidade única de bungee jump, com a plataforma suspensa acima do canal. A vista para o estreito é espetacular, proporcionando uma experiência inesquecível.

Niouc – Suíça:

Oferece um dos saltos de bungee mais altos da Europa, de uma ponte suspensa. A paisagem alpina e a adrenalina do salto fazem deste um destino popular para os entusiastas de bungee jump.

Rio Colorado – Costa Rica:

Oferece a emoção de saltar de uma ponte sobre o Rio Colorado, com uma exuberante selva tropical ao redor. A experiência é única, combinando a emoção do bungee jump com a beleza natural da Costa Rica.

Torre Macau – China:

Localizada em Macau, a Torre Macau oferece uma plataforma de bungee jump a partir de uma das torres mais altas do mundo. É uma experiência emocionante com vistas deslumbrantes da cidade.

Lembre-se sempre de seguir as instruções de segurança fornecidas pelos operadores de bungee jump em cada local e verificar se eles seguem padrões de segurança reconhecidos.

E Bungee Jump no Brasil, onde praticar?

Mulher pulando de Bungee Jump
Mulher pulando de Bungee Jump Foto: Pinterest

Parque de Aventuras Gaspar – Bento Gonçalves, RS:

Localizado em Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul, o Parque de Aventuras Gaspar é renomado como o maior centro de bungee jumping do Brasil, oferecendo uma experiência emocionante com uma altura imponente de 150 metros e uma queda vertiginosa de 50 metros. A adrenalina é garantida, proporcionando aos aventureiros uma dose intensa de emoção em meio a paisagens deslumbrantes da região.

Alta Vila Center Class – Alta Vila, MG:

Em Alta Vila, Minas Gerais, o Alta Vila Center Class não só oferece a oportunidade de saltar de bungee jumping, mas também é reconhecido como o maior centro de entretenimento do Brasil. Além da emocionante experiência de salto, os visitantes podem desfrutar de uma variedade de atividades e atrações, tornando o local um destino completo para os amantes de aventura e diversão.

Hopi Hari – SP:

Localizado nas proximidades de Vinhedo, São Paulo, o parque temático Hopi Hari não é apenas um destino para a diversão em família, mas também oferece a emocionante oportunidade de praticar bungee jumping. Os saltos são conduzidos por profissionais experientes, garantindo uma experiência segura e cheia de adrenalina para aqueles que desejam combinar a emoção do salto com a atmosfera única do parque temático.

Veja também: Um guia completo sobre o Hopi Hari!

Ponte Férrea – Mairinque, SP:

A Ponte Férrea em Mairinque, São Paulo, é outra opção fascinante para os amantes de bungee jumping. Com uma queda de 50 metros, este local proporciona não apenas uma experiência emocionante, mas também uma vista deslumbrante da paisagem circundante. A combinação de altura, queda livre e cenário pitoresco torna este ponto de bungee jumping uma escolha emocionante para os aventureiros que buscam um toque especial em sua experiência radical.

E aí, gostou?

E aí, gostou do conteúdo? Agora você já sabe lugares incríveis para pular de Bungee Jump! Esperamos que esse artigo do Agora Viagem o tenha ajudado! Para mais dicas continue nos acompanhando e deixe suas estrelas!

Perguntas frequentes

O que é Bungee Jump?

Bungee jump é uma atividade de aventura extrema em que uma pessoa salta de uma altura elevada, geralmente de uma ponte, plataforma fixa ou guindaste, com um elástico atado aos tornozelos ou à cintura. O salto faz com que a pessoa caia livremente até que a corda esticada a interrompa, fazendo-a balançar para cima e para baixo até parar completamente. O elástico utilizado no bungee jump é geralmente feito de materiais resistentes, como borracha ou corda elástica especializada, capaz de absorver e dissipar a energia do salto, proporcionando uma desaceleração suave para evitar lesões. Essa atividade é conhecida por proporcionar uma experiência emocionante e de adrenalina, já que os participantes experimentam a sensação de queda livre antes de serem “puxados de volta” pela corda elástica. O bungee jump é praticado em várias partes do mundo e atrai pessoas que buscam desafiar seus limites, superar medos e experimentar uma emoção intensa. Antes de participar dessa atividade, é importante garantir que todas as medidas de segurança estejam em vigor e que os equipamentos estejam em boas condições.

Quem não pode pular de Bungee Jump?

As restrições podem variar de acordo com as regulamentações específicas de cada local e operadora de bungee jump, mas aqui estão algumas condições que podem impedir alguém de realizar um salto:
·         Problemas cardíacos: Pessoas com histórico de problemas cardíacos, pressão arterial elevada ou outras condições cardíacas podem ser aconselhadas a evitar o bungee jump.
·         Problemas nas costas ou pescoço: Indivíduos com lesões nas costas ou pescoço, ou que tenham passado por cirurgias nessas áreas, podem não ser adequados para o bungee jump, pois a atividade pode colocar pressão adicional nessas regiões.
·         Problemas médicos não diagnosticados: Qualquer pessoa com problemas médicos não diagnosticados ou desconhecidos deve procurar orientação médica antes de participar de atividades intensas como o bungee jump.
·         Gravidez: Grávidas são geralmente desencorajadas a participar de atividades como o bungee jump devido ao risco de impacto e estresse no corpo.
·         Epilepsia: Pessoas com epilepsia podem ser desaconselhadas a realizar o bungee jump devido ao risco de desencadear uma crise epiléptica.
·         Problemas de pressão ocular: Indivíduos com problemas de pressão ocular ou glaucoma podem ser aconselhados a evitar o bungee jump, pois a atividade pode causar variações significativas na pressão intraocular.
·         Problemas de ouvido: Pessoas com problemas de ouvido ou infecções podem ter complicações durante o bungee jump devido às mudanças rápidas de pressão.

Onde pular de Bungee Jump no Brasil?

No Brasil há algumas opções de Bungee Jump em:
·         Alta Vila Center Class, Alta Vila – MG;
·         Parque de Aventuras Gaspar, Bento Gonçalves – RS;
·         Hopi Hari, Próximo a Vinhedo – SP;
·         Ponte Férrea, Mairinque – SP;

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *