Pular para o conteúdo

Chefchaouen: O que fazer na cidade azul do Marrocos!

5/5 - (1 voto)

Está querendo saber informações sobre o Chefchaouen? Confira todas as informações que você precisa neste artigo!

Aninhada nas encostas das majestosas Montanhas Rif, no noroeste do Marrocos, encontra-se uma joia escondida que encanta os viajantes com sua aura singular e cores hipnotizantes. Chefchaouen, conhecida como a “cidade azul”, é um destino que transcende a imaginação com suas ruas estreitas e labirínticas, casas caiadas de branco e a característica que lhe confere fama mundial: suas paredes e fachadas pintadas em tons vibrantes de azul.

Chefchaouen

É uma cidade no noroeste de Marrocos, conhecida por seus edifícios azuis. Acredita-se que a tradição de pintar as casas de azul tenha começado com os refugiados judeus que chegaram à cidade no século XV. A cor azul é considerada sagrada no judaísmo e acredita-se que afasta os maus espíritos.

Chefchaouen é um destino turístico popular, e por boas razões. A cidade é um belo labirinto de ruas estreitas e sinuosas, casas caiadas de branco e portas e janelas azuis brilhantes. A cidade também abriga uma série de mesquitas, praças e mercados.

Se você está procurando um lugar para relaxar e escapar da agitação da vida cotidiana, Chefchaouen é o lugar perfeito para você. A cidade é lenta e pacífica, e os habitantes são muito amigáveis.

É uma cidade linda e única que vale a pena visitar. Se você estiver planejando uma viagem ao Marrocos, certifique-se de adicionar essa cidade ao seu itinerário.

Localização

Chefchaouen está localizada no noroeste de Marrocos, nas montanhas Rif. A cidade fica a cerca de 110 km a leste de Tânger e a 60 km a sul de Tetuão.

A cidade está situada em uma altitude de 600 metros acima do nível do mar, o que lhe confere um clima fresco e agradável durante todo o ano. As montanhas Rif fornecem um cenário deslumbrante para a cidade, e as casas azuis brilhantes criam um contraste impressionante com a vegetação verdejante.

Chefchaouen é uma cidade relativamente pequena, com uma população de cerca de 40.000 habitantes. A cidade é fácil de explorar a pé, e a maioria das principais atrações turísticas estão localizadas dentro da medina (cidade velha).

Chefchaouen: O que fazer na cidade azul do Marrocos!
Chefchaouen: O que fazer na cidade azul do Marrocos! Foto: Reprodução

Como chegar a Chefchaouen:

  • De avião: O aeroporto mais próximo de Chefchaouen é o Aeroporto Internacional de Tânger Ibn Battuta (TNG), que fica a cerca de 120 km da cidade. Há táxis e ônibus disponíveis no aeroporto que podem levá-lo a Chefchaouen.
  • De carro: Chefchaouen está bem conectada por estradas a outras cidades do Marrocos. Se você estiver dirigindo, a viagem de Tânger leva cerca de 2 horas e de Tetuão leva cerca de 1 hora.
  • De ônibus: Há ônibus regulares para Chefchaouen de Tânger, Tetuão e outras cidades do Marrocos. A viagem de Tânger leva cerca de 3 horas e de Tetuão leva cerca de 2 horas.

Melhor época para visitar Chefchaouen:

A melhor época para visitar Chefchaouen é durante a primavera (março-maio) ou o outono (setembro-novembro). Durante esses meses, o clima é agradável e ensolarado, e há menos turistas do que no verão.

Onde ficar em Chefchaouen:

Há uma variedade de hotéis, riads e casas de hóspedes em Chefchaouen para escolher. A melhor opção para você dependerá do seu orçamento e preferências.

O que fazer em Chefchaouen?

Esta cidade em Marrocos irá te proporcionar ótimas experiências, confira abaixo o que fazer!

Cidade Azul de Marrocos.
Cidade Azul de Marrocos. Foto: Reprodução

Medina (cidade velha)

Caminhar pela medina de Chefchaouen é uma experiência única e inesquecível. As ruas estreitas e sinuosas, as casas caiadas de branco e as portas e janelas azuis brilhantes criam um ambiente mágico e encantador.

Você se sentirá transportado para outro tempo. O ritmo de vida é lento e tranquilo, e os habitantes locais são amigáveis ​​e acolhedores.

Aqui estão algumas dicas para aproveitar ao máximo sua caminhada pela medina:

  • Tire fotos! A medina é um lugar incrivelmente fotogênico. Não deixe de levar sua câmera para capturar todas as belas paisagens.
  • Faça compras! A medina é um ótimo lugar para encontrar souvenirs e presentes. Você encontrará uma variedade de artesanatos feitos à mão, tapetes, joias e muito mais.
  • Experimente a culinária local! A medina abriga uma variedade de restaurantes que servem pratos tradicionais marroquinos. Experimente um tajine, um cuscuz ou um pastilla.
  • Relaxe e aproveite a atmosfera! A medina é um lugar tranquilo e relaxante para passear. Sente-se em um café e observe as pessoas passarem, ou simplesmente explore as ruas e absorva a atmosfera.

Kasbah

Kasbah de Chefchaouen é um monumento histórico importante e um destaque arquitetônico imperdível na medina.

História e Função:

  • Construída no final do século XV, a Kasbah serviu originalmente como uma fortaleza militar para proteger a cidade de ataques externos.
  • Era também a residência do governador e abrigava um arsenal militar.
  • Ao longo dos séculos, sofreu várias reformas e ampliações.
  • Atualmente, funciona como um museu que abriga artefatos históricos da região.

Explorando a Kasbah:

  • Localizada na praça principal, Place el-Hammain, a Kasbah oferece vistas panorâmicas deslumbrantes da cidade e das montanhas Rif circundantes.
  • Ao entrar na Kasbah, você passará por um grande pátio e poderá subir pelas muralhas para chegar às torres de vigia.
  • O museu dentro da Kasbah exibe uma coleção de armas, tapetes, cerâmicas e outros objetos que contam a história da região.
  • Há também uma pequena exposição sobre a cultura judaica de Chefchaouen.

Alguns detalhes interessantes:

  • A Kasbah possui uma torre portuguesa particular, construída por prisioneiros portugueses. Esta torre, identificada como a Torre do Português, oferece informações históricas em espanhol, francês e árabe.
  • A arquitetura da Kasbah é uma mistura de estilos berbere e islâmico, refletindo a herança multicultural da região.

Visitando a Kasbah:

A Kasbah é aberta ao público por uma pequena taxa de entrada. É um ótimo lugar para aprender sobre a história de Chefchaouen e desfrutar de vistas panorâmicas da cidade.

Dica: Combine a visita à Kasbah com um passeio pela medina para ter uma experiência completa da cultura e arquitetura de Chefchaouen.

Praça Bab El-Sor

A Praça Bab El-Sor, em Chefchaouen, é um refúgio tranquilo e autêntico em meio ao burburinho da cidade. Longe das multidões, esta pequena praça oferece uma experiência genuína da cultura local, sem o apelo turístico e o assédio dos vendedores.

A Fonte Azul:

O centro da praça é dominado por uma bela fonte azul revestida de azulejos. A fonte é um ponto de encontro para os habitantes locais, que a utilizam para lavar roupas e se abastecer de água. Observar a rotina local ao redor da fonte é uma ótima maneira de se conectar com a cultura e o ritmo de vida de Chefchaouen.

Restaurantes Econômicos:

Ao redor da praça, você encontrará uma variedade de restaurantes com preços mais acessíveis do que os da Praça Uta El-Hamman. Os restaurantes da Praça Bab El-Sor oferecem uma deliciosa culinária marroquina, com pratos tradicionais como tajines, cuscuz e pastilla. Desfrute de uma refeição saborosa em um ambiente descontraído e autêntico.

Experiência Genuína:

A Praça Bab El-Sor é o lugar ideal para se sentir como um verdadeiro local. Aqui, você pode relaxar e observar o ritmo da vida cotidiana sem se preocupar com as multidões de turistas. É um lugar perfeito para se conectar com a cultura local e apreciar a beleza autêntica de Chefchaouen.

Praça Uta El-Hamman

A Praça Uta El-Hamman, pulsante e vibrante, é o coração da Medina de Chefchaouen. Envolta em tons de azul e verde, a praça oferece aos visitantes uma experiência inesquecível da cultura marroquina.

A Praça é um ponto de encontro para os habitantes locais e turistas, criando uma atmosfera animada e multicultural.

Observadores de pessoas podem se deliciar com a variedade de personagens que circulam pela praça, desde vendedores ambulantes até artistas de rua e famílias locais.

Dicas para aproveitar a visita

Chefchaouen, a “Cidade Azul” do Marrocos, é um destino mágico que encanta seus visitantes com suas casas caiadas de azul e branco, ruas estreitas e sinuosas, e atmosfera tranquila. Para aproveitar ao máximo sua visita a esta cidade encantadora, aqui estão algumas dicas:

Planejamento:

  • Melhor época para visitar: Primavera e outono oferecem clima agradável, evitando o calor intenso do verão e o frio do inverno.
  • Duração da viagem: 2 a 3 dias são suficientes para explorar a cidade e seus arredores.
  • Como chegar: Chefchaouen é acessível por ônibus e táxi de cidades como Tânger e Fez.
  • Onde ficar: A medina oferece diversas opções de hospedagem, desde riads tradicionais a hotéis modernos.

Explorando a Cidade:

  • Perca-se nas ruas da medina: Caminhe pelas ruas estreitas e sinuosas para admirar a arquitetura azul e branca, visite lojas de artesanato e experimente a culinária local.
  • Visite a Kasbah: Explore o museu dentro da Kasbah para aprender sobre a história da cidade e admire a vista panorâmica da cidade a partir das muralhas.
  • Relaxe na Praça Uta El-Hamman: Observe as pessoas, experimente um chá de menta em um café e absorva a atmosfera vibrante da praça.
  • Faça compras no souk: Encontre souvenirs autênticos, como tapetes, joias e cerâmica, no mercado tradicional da cidade.
  • Experimente a culinária marroquina: Delicie-se com pratos tradicionais como tajines, cuscuz e pastilla em restaurantes da medina.

Dicas Extras:

  • Vista-se com modéstia: Respeite a cultura local vestindo roupas que cubram ombros e joelhos.
  • Aprenda algumas palavras em árabe: Algumas palavras básicas em árabe podem ajudar na comunicação com os locais.
  • Relaxe e aproveite: Chefchaouen é uma cidade tranquila e relaxante. Desfrute da atmosfera pacata e da beleza da cidade.

Lembre-se:

  • Tenha cuidado com seus pertences pessoais, especialmente em locais lotados.
  • Respeite os costumes e tradições locais.

E aí, Gostou do artigo?

A “Cidade Azul” do Marrocos, é um destino único e inesquecível que oferece aos seus visitantes uma experiência cultural autêntica e vibrante. Com suas casas azuis e brancas, ruas estreitas e sinuosas, e atmosfera tranquila, Chefchaouen é um lugar para relaxar, explorar e se encantar com a beleza da cultura marroquina.

Se ainda restarem dúvidas, não hesite em compartilhá-las conosco no campo abaixo. Estamos aqui para ajudar!

Para mais dicas e conteúdos sobre viagens, continue acompanhando a página principal do Agora Viagens. Estamos ansiosos para ajudá-lo a planejar suas próximas aventuras pelo mundo!

Perguntas Frequentes

Qual a melhor época para visitar Chefchaouen?

A melhor época para visitar Chefchaouen é durante a primavera (março a maio) ou o outono (setembro a novembro). Durante estes meses, o clima é agradável, com temperaturas amenas e menos chuvas.

Quanto tempo devo ficar em Chefchaouen?

2 a 3 dias são suficientes para explorar a cidade e seus arredores.

Como chegar em Chefchaouen?

Chefchaouen é acessível por ônibus e táxi de cidades como Tânger e Fez. A viagem de ônibus dura cerca de 4 horas e a viagem de táxi dura cerca de 3 horas.

Onde ficar em Chefchaouen?

A medina de Chefchaouen oferece diversas opções de hospedagem, desde riads tradicionais a hotéis modernos. Riads são casas tradicionais marroquinas que foram convertidas em hotéis. Eles oferecem uma experiência mais autêntica e geralmente incluem um pátio central com uma fonte.

Como posso me manter conectado em Chefchaouen?

A maioria dos riads e hotéis oferece Wi-Fi gratuito. Você também pode comprar um chip de celular local para ter acesso à internet durante sua viagem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *