Pular para o conteúdo

Cracóvia: Onde fica, o que fazer e muito mais sobre o incrível destino!

Avalie

No artigo de hoje, vamos falar sobre Cracóvia, um dos destinos mais lindos da Polônia, possuindo atrações históricas, arquitetura medieval intacta, por ser uma das poucas cidades da Polônia poupadas pela Segunda Guerra Mundial, muita história pela cidade, não é mesmo? Vamos conhecer mais sobre esse destino incrível.

Nesse texto, você encontrará tudo o que precisa saber quando escolher a Cracóvia como o seu destino, onde fica, como chegar, quando ir, o que fazer e muitas dicas de viagem. Vamos começar!

Onde fica a Cracóvia?

Cracóvia, também conhecida como Kraków em polonês, é uma cidade localizada no sul da Polônia. É uma das maiores e mais antigas cidades do país, conhecida por sua rica história, arquitetura impressionante e cultura vibrante. Cracóvia é um importante centro cultural, educacional e turístico na Polônia.

Conheça mais sobre: A Polônia.

Como chegar?

Se vier de avião, o Aeroporto Internacional João Paulo II de Cracóvia-Balice (KRK) é o principal aeroporto que atende a cidade. Porém vale lembrar que, não é possível realizar voos diretos partindo do Brasil, porém é possível realizar conexões na Itália, Irlanda e Alemanha.

Seguro Viagem

Algo que gostamos de indicar sempre, é o seguro-viagem, nunca se sabe o que irá enfrentar longe de casa. É sempre bom estar preparado para tudo antes de viajar a outro país, principalmente se for sozinho, nunca é um gasto em vão e sim uma precaução.

Quando visitar a Cracóvia?

Cracóvia é uma cidade encantadora que pode ser visitada durante todo o ano, mas a melhor época para visitá-la depende das suas preferências pessoais e dos tipos de atividades que você deseja realizar. Vamos comentar sobre as mais interessantes!

A primavera, de março a maio, é uma época agradável para visitar Cracóvia, com temperaturas mais amenas e florescimento da vegetação. Os parques e jardins da cidade ganham vida, tornando-se ideais para passeios tranquilos. Além disso, nesta época, há menos turistas do que no verão, o que pode significar preços mais baixos e menos filas em atrações turísticas.

O verão é a alta temporada em Cracóvia, entre junho e agosto, com dias longos e temperaturas agradáveis. É uma época popular para visitar devido aos festivais de verão, eventos ao ar livre e atividades culturais. No entanto, espere encontrar mais turistas e preços mais altos durante este período.

A melhor época para visitar Cracóvia depende das suas preferências pessoais quanto ao clima e à quantidade de turistas que você está disposto a enfrentar. Qualquer época do ano tem seu próprio charme e atrações únicas.

visão panorâmica de Cracóvia, muitas torres e casas
Conheça essa incrível cidade histórica! Foto: Pixabay

Conheça o que fazer em Cracóvia

Agora que você entendeu sobre onde fica, como chegar e várias dicas de viagem, vamos te apresentar as melhores coisas para fazer em Cracóvia. Vamos começar!

Veja também: Os fusos horários dos principais destinos do mundo!

Muralhas da Cracóvia

As muralhas que cercavam Cracóvia eram uma parte importante de suas defesas medievais. No entanto, grande parte das muralhas foi demolida ao longo dos séculos, e hoje apenas algumas seções e torres remanescentes permanecem.

Uma das partes mais bem preservadas das muralhas é conhecida como Muralha de Barbacã (Barbakan Krakowski), localizada perto da Cidade Velha de Cracóvia. A Barbacã é uma fortificação de estilo renascentista construída no século XV para reforçar as defesas da cidade. Ela servia como uma das entradas para a cidade e era conectada ao sistema de muralhas.

Portão St. Florian e Barbacã e Torre dos Carpinteiros

O Portão de São Florian (em polonês: Brama Floriańska) é uma das entradas mais famosas para a Cidade Velha de Cracóvia, na Polônia. Construído no século XIV como parte do sistema defensivo da cidade, o Portão de São Florian é uma estrutura imponente que serviu como uma das principais entradas para Cracóvia durante séculos. Hoje, é um marco importante e uma das principais atrações turísticas da cidade.

Collegium Maius

O Collegium Maius é um edifício histórico localizado na Cidade Velha de Cracóvia, na Polônia. Originalmente construído no século XIV como a principal sede da Universidade Jaguelônica, o Collegium Maius é uma das estruturas mais antigas e importantes da universidade, bem como um exemplo impressionante da arquitetura medieval na Polônia.

O Collegium Maius serviu como o coração acadêmico da universidade por séculos, abrigando salas de aula, bibliotecas, escritórios administrativos e até mesmo apartamentos para professores. O edifício passou por várias expansões e reformas ao longo de sua história, refletindo diferentes estilos arquitetônicos, incluindo gótico, renascentista e barroco.

Restauracja Starka

Localizado na Rua Józefa 14, o Restauracja Starka é conhecido por sua culinária polonesa moderna e sua extensa seleção de vodcas polonesas. Eles oferecem pratos criativos com ingredientes locais frescos, em um ambiente acolhedor e descontraído.

Rynek Główny

O Rynek Główny é a praça principal da cidade de Cracóvia, na Polônia, e é um dos maiores e mais impressionantes espaços públicos medievais da Europa.

Cercado por belos edifícios históricos, incluindo a Basílica de Santa Maria, a Torre da Câmara Municipal, o Mercado de Tecidos (Sukiennice) e muitos outros prédios coloridos de estilo renascentista e barroco.

Uma das atrações mais famosas do Rynek Główny é o Mercado de Tecidos (Sukiennice), que abriga uma série de barracas que vendem artesanato local, lembranças e produtos tradicionais poloneses.

Castelo Wawel

O castelo é um complexo arquitetônico diversificado, incluindo várias estruturas, como o Palácio Real, a Catedral de Wawel, a Torre do Sino, a Torre da Artilharia e o pátio interno, entre outros edifícios e jardins. A arquitetura do castelo abrange diferentes estilos ao longo dos séculos, incluindo românico, gótico, renascentista e barroco, refletindo as mudanças e adições feitas ao longo do tempo.

O Castelo Wawel desempenhou um papel central na história da Polônia, servindo como residência dos reis poloneses por séculos e sendo o local de coroações, casamentos e funerais reais. Ele também foi o centro do poder político e cultural do país por muitos anos.

Restauracja Wierzynek

Localizado na Praça Principal de Cracóvia, o Restauracja Wierzynek é conhecido por sua culinária polonesa tradicional e sua atmosfera histórica. Oferece uma variedade de pratos poloneses clássicos em um ambiente elegante.

Kazimierz

Kazimierz é um distrito histórico de Cracóvia, na Polônia, conhecido por sua rica herança judaica e cultura vibrante.

Após a guerra, Kazimierz passou por um período de declínio, mas nas últimas décadas experimentou um renascimento cultural e um ressurgimento como um dos bairros mais animados e ecléticos de Cracóvia. Hoje, Kazimierz é conhecido por suas ruas pitorescas, galerias de arte, cafés da moda, bares, restaurantes e uma atmosfera boêmia.

Restaurante Alchemia

Alchemia é um restaurante e bar conhecido por sua atmosfera boêmia e decoração eclética. Eles oferecem uma variedade de pratos da cozinha polonesa contemporânea, bem como opções vegetarianas e veganas.

Museu Oskar Schindler

O Museu de Oskar Schindler é uma visita imperdível para aqueles interessados na história da Segunda Guerra Mundial, no Holocausto e na extraordinária história de Oskar Schindler e seus esforços para salvar vidas durante um dos períodos mais sombrios da humanidade.

O Museu de Oskar Schindler, oficialmente conhecido como Museu de Fábrica de Emalia Oskar Schindler (Muzeum Fabryka Emalia Oskara Schindlera) está localizado no distrito de Podgórze, em Cracóvia, Polônia.

O museu está situado na antiga fábrica de propriedade de Oskar Schindler, onde ele empregava judeus como trabalhadores forçados durante a ocupação nazista da Polônia. Schindler conseguiu salvar esses trabalhadores do extermínio nazista, incluindo membros de suas próprias famílias, usando sua fábrica como um refúgio seguro.

The Cloth Hall

Originalmente construído como um mercado de tecidos e produtos têxteis, o Cloth Hall desempenhou um papel crucial no comércio e na vida comercial de Cracóvia ao longo dos séculos. O edifício foi reconstruído e expandido várias vezes ao longo de sua história, assumindo sua forma atual de estilo renascentista no século XVI.

Hoje, o Cloth Hall abriga uma série de lojas, barracas e galerias que vendem uma variedade de produtos, incluindo artesanato local, souvenirs, joias, roupas, arte e muito mais. É um ótimo lugar para os visitantes explorarem e comprarem lembranças exclusivas enquanto absorvem a atmosfera histórica da praça.

Lost Souls Alley

Lost Souls Alley é uma atração turística única localizada em Cracóvia, na Polônia. É um passeio de terror interativo que combina elementos de um labirinto assustador e uma casa mal-assombrada. Os visitantes são convidados a percorrer um labirinto escuro e sinistro, onde encontram uma série de cenários assustadores, efeitos especiais, atores caracterizados como personagens horripilantes e enigmas desafiadores.

É uma ótima opção para os amantes de adrenalina e fãs do gênero de terror. No entanto, é importante estar ciente de que a atração é voltada para assustar os participantes, então é melhor estar preparado para uma experiência arrepiante!

Veja também: Checklist de viagem.

Conheça mais sobre a incrível cidade!

E aí? O que achou desse incrível destino na Polônia? Ficou interessado em conhecer ou já conhece a incrível cidade histórica? Queremos a sua opinião aqui nos comentários.

E não se esqueça de acompanhar o Agora Viagem, assim você não fica de fora de nenhuma novidade!

Perguntas frequentes

Qual é a melhor época para visitar Cracóvia?

A melhor época para visitar Cracóvia é durante a primavera (março a maio) e o outono (setembro a novembro), quando o clima é ameno, há menos turistas e é mais fácil explorar as atrações sem enfrentar grandes multidões. No entanto, o verão (junho a agosto) também é uma época popular devido aos festivais de verão e eventos ao ar livre, mas pode ser mais lotado e quente.

Quais são as principais atrações de Cracóvia?

As principais atrações de Cracóvia incluem o Castelo Real de Wawel, a Cidade Velha (Stare Miasto) com a Praça Principal (Rynek Główny), o Bairro Judeu de Kazimierz, a Basílica de Santa Maria, a Antiga Sinagoga, o Museu de Oskar Schindler, entre outros pontos turísticos históricos e culturais.

Como chegar do Aeroporto de Cracóvia ao centro da cidade?

Do Aeroporto Internacional João Paulo II de Cracóvia-Balice (KRK) até o centro da cidade, você pode pegar um táxi, que levará cerca de 20 a 30 minutos, dependendo do trânsito, ou optar pelo trem que leva cerca de 20 minutos até a estação ferroviária central de Cracóvia (Kraków Główny). Além disso, há serviços de ônibus disponíveis que conectam o aeroporto ao centro da cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *