Pular para o conteúdo

8 Pontos turísticos do Japão que você precisa visitar!

4.8/5 - (5 votos)

O Japão, uma nação que harmoniza tradição e modernidade de maneira única, é um destino incrivelmente diversificado e cativante para os viajantes. Dos picos majestosos do Monte Fuji aos animados distritos urbanos de Tóquio, o país oferece uma experiência única para todos os gostos.

Neste guia, exploraremos os principais pontos turísticos do Japão, desde templos antigos até marcos contemporâneos, proporcionando a você uma visão abrangente do que este país incrível tem a oferecer.

Principais Pontos turísticos do Japão

Confira os principais pontos turísticos do Japão que você não pode deixar de conhecer:

Monte Fuji

O Monte Fuji é um vulcão ativo que é considerado um símbolo do Japão. Ele está localizado na ilha de Honshu e é o ponto mais alto do país.

O Monte Fuji é um vulcão ativo que está localizado na ilha de Honshu, no Japão. Ele é o ponto mais alto do país, com 3.776 metros de altitude. O Monte Fuji é considerado um símbolo e um destino popular para alpinismo, caminhadas e observação de fogos de artifício.

A melhor época para visitar o Monte Fuji é durante a primavera (abril a junho) ou o outono (setembro a novembro), quando o clima é mais agradável. O acesso ao Monte Fuji é feito por várias trilhas, sendo a mais popular a Yoshida Trail. A caminhada até o topo do Monte Fuji leva cerca de 6 a 8 horas.

Um dos principais Pontos turísticos do Japão, Monte Fuji
Um dos principais Pontos turísticos do Japão, Monte Fuji . Foto: Freepik

Tokyo Tower

A Tokyo Tower é uma torre de rádio e televisão que está localizada no centro de Tóquio, no Japão. Ela é uma das estruturas mais altas do país, com 333 metros de altura. A Tokyo Tower foi construída em 1958 e é um dos pontos turísticos mais populares da cidade.

A Tokyo Tower oferece vistas panorâmicas da cidade de Tóquio. Você pode subir até o topo da torre de elevador ou de escada. O acesso à Tokyo Tower é pago.

Palácio Imperial de Tóquio

O Palácio Imperial de Tóquio é a residência oficial do imperador do Japão. Ele está localizado no centro de Tóquio, no Japão. O Palácio Imperial é cercado por um muro e não é aberto ao público em geral. No entanto, você pode visitar o Parque Imperial, que fica ao redor do Palácio Imperial.

O Parque Imperial é um ótimo lugar para relaxar e desfrutar da natureza. No parque, você encontrará jardins, lagos e fontes.

Palácio Imperial de Tóquio
Palácio Imperial de Tóquio. Foto: Freepik

Pontos turísticos do Japão – Templo Sensoji

O Templo Sensoji é um templo budista que está localizado em Asakusa, Tóquio, no Japão. Ele é um dos mais antigos e mais importantes templos budistas do Japão. O Templo Sensoji foi construído no século VII e é um dos pontos turísticos mais populares de Tóquio.

O Templo Sensoji é conhecido por sua entrada torii vermelha, que é uma das entradas mais famosas do Japão. O templo também é conhecido por suas estátuas de Buda e por suas lojas de souvenires.

Akihabara

Akihabara é um distrito de Tóquio que é conhecido por suas lojas de eletrônicos, anime e manga. Ele é um destino popular para os fãs da cultura pop japonesa. Akihabara é um lugar onde você pode encontrar de tudo, desde videogames e consoles até figurinhas de anime e roupas cosplay.

Akihabara
Akihabara. Foto: Divulgação

Kiyomizu-dera

O Kiyomizu-dera é um templo budista que está localizado na cidade de Kyoto, no Japão. Ele é um dos mais importantes templos budistas do Japão. O Kiyomizu-dera foi construído no século VIII e é conhecido por sua plataforma de madeira que oferece vistas panorâmicas da cidade de Kyoto.

A plataforma de madeira do Kiyomizu-dera é um dos pontos turísticos mais famosos da cidade de Kyoto. Ela é feita de madeira e fica suspensa a cerca de 13 metros de altura.

Palácio Imperial de Kyoto

O Palácio Imperial de Kyoto é a antiga residência oficial do imperador do Japão. Ele está localizado na cidade de Kyoto, no Japão. O Palácio Imperial foi construído no século VIII e é um dos pontos turísticos mais visitados da cidade. O Palácio Imperial pode ser visitado apenas durante certos períodos do ano.

O Palácio Imperial de Kyoto é um lugar tranquilo e espiritual que é perfeito para relaxar e meditar.

Ponte de Nikko Toshogu

A Ponte de Nikko Toshogu é uma ponte de madeira que está localizada no Santuário de Toshogu, que é um local de peregrinação budista. Ela é um dos pontos turísticos mais famosos de Nikko.

A Ponte de Nikko Toshogu foi construída no século XVII e é conhecida por sua decoração dourada e por sua beleza arquitetônica. A ponte é feita de madeira e tem cerca de 20 metros de comprimento.

Lugares para ir quando for ao Japão

Veja alguns lugares que você deve visitar quando for ao Japão:

  • Tóquio: A capital do Japão é uma cidade vibrante e cosmopolita que oferece algo para todos. Você pode visitar templos budistas e xintoístas, museus, parques, lojas e restaurantes.
  • Kyoto: A antiga capital do Japão é conhecida por sua cultura tradicional e por seus templos e santuários. Você pode visitar o Kiyomizu-dera, o Arashiyama Bamboo Forest, o Fushimi Inari-taisha e o Kinkaku-ji.
  • Osaka: A segunda maior cidade do Japão é conhecida por sua comida deliciosa e seu estilo de vida descontraído. Você pode visitar o Dotombori, o Universal Studios Japan, o Umeda SkyBuilding e o Osaka Castle.
  • Nara: A cidade de Nara é conhecida por seus templos budistas e seus veados selvagens. Você pode visitar o Todai-ji, o Kasuga Grand Shrine e o Nara Park.
  • Hiroshima: A cidade de Hiroshima foi destruída por uma bomba atômica na Segunda Guerra Mundial. Você pode visitar o Hiroshima Peace Memorial Park, o Hiroshima Peace Memorial Museum e o Hiroshima Castle.
  • Kyushu: A ilha de Kyushu é o lar de alguns dos destinos mais populares do Japão, como o Monte Fuji, o Parque Nacional de Yakushima e o Castelo de Kumamoto.

Esta é apenas uma pequena amostra dos muitos lugares incríveis que você pode visitar no Japão. Com um pouco de planejamento, você pode criar uma viagem inesquecível.

Aqui estão algumas dicas para planejar sua viagem ao Japão:

  • Defina seu orçamento e tempo disponível. O Japão é um país caro, por isso é importante definir seu orçamento antes de começar a planejar sua viagem. Também é importante considerar quanto tempo você tem disponível para viajar.
  • Faça pesquisas sobre os destinos que você deseja visitar. Leia sobre a história, a cultura e as atrações de cada destino. Isso o ajudará a planejar sua viagem e a aproveitar ao máximo seu tempo no Japão.
  • Reserve seus voos e acomodações com antecedência. O Japão é um destino popular, por isso é importante reservar seus voos e acomodações com antecedência, especialmente se você estiver viajando durante a alta temporada.
  • Aprenda algumas frases básicas em japonês. Mesmo que você não fale japonês fluentemente, aprender algumas frases básicas pode ajudá-lo a se comunicar com os locais.
  • Seja respeitoso com a cultura japonesa. O Japão é um país com uma cultura rica e antiga. É importante ser respeitoso com os costumes e tradições locais.

E aí, Gostou?

E então, gostou dos pontos turísticos do Japão? Caso tenha ficado com alguma dúvida, não deixe de comentar aqui abaixo nos comentários!

E se você gostou desse artigo, e caso tenha ajudado de alguma forma, não deixe de votar em nossas estrelinhas que dessa forma você ajuda o time do Agora Viagem a continua a sempre trazer mais e melhores conteúdo para você, leitor!

Perguntas Frequentes

Quais são os pontos turísticos mais icônicos do Japão?

Entre os pontos turísticos mais icônicos estão o Monte Fuji, a Tokyo Tower, o Palácio Imperial de Tóquio, o Templo Sensoji em Tóquio, o Kiyomizu-dera em Kyoto e a Ponte de Nikko Toshogu.

Qual é a melhor época para visitar o Monte Fuji?

A melhor época para visitar o Monte Fuji é durante a primavera (abril a junho) ou o outono (setembro a novembro), quando o clima é mais agradável e a paisagem está deslumbrante.

Como posso acessar a Tokyo Tower?

A Tokyo Tower pode ser acessada de elevador ou escada. Ela oferece vistas panorâmicas deslumbrantes de Tóquio e é uma atração paga.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *